Com 38 focos de incêndio em Juara presidente do Sindicato Rural fala sobre prejuízos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

De acordo com informações repassadas a SEMA de Juara, o município teria tido cerca de 38 focos de incêndio nos últimos dias.

Diante da informação a reportagem da Rádio Tucunaré procurou o presidente do sindicato rural de Juara o pecuarista Jorge Mariano, que explicou que essas queimadas com 38 focos de incêndio em Juara, é relativamente pequena, visto que o município é maior do que muitos Estados da Federação e que o sistema de vigilância acontece através de satélite, que constata qualquer foco de incêndio.

A umidade relativa do ar está muito baixa e nesse período de seca é fácil os incêndios começarem inclusive, recentemente muito próximo de Juara tivemos um incêndio de grandes proporções e por isso, nenhum produtor rural quer fogo na sua propriedade, nem o produtor de grãos e nem o pecuarista, pois o gado precisa comer e ninguém está com pasto sobrando, disse.

Na lavoura, mesmo que tenha sido colhida, o prejuízo que o fogo causa para o solo é muito grande e por isso o proprietário não tem interesse em atear fogo na sua propriedade e portanto, o que vem acontecendo são as circunstâncias pelas estradas, ocasionando os incêndios.

Os fumantes que jogam bitucas acesas ao longo da estrada, acabam desencadeando os incêndios e também o escape do caminhão lança faíscas e não devem passar muito rende ao capim seco, as donas de casa que fazem suas limpezas no quintal e queimam folhas, sendo que o correto é juntá-lo no canto e não queimar, são fatores que causam os incêndios nessa época seca.

O município não pode ser bode expiatório devido essas queimadas e os produtores sabem que as propriedades rurais são vigiadas por satélite, sendo desnecessário a presença física do Fiscal, pois hoje as multas chegam por Correio, explicou.

Um outro detalhe importante é  em relação ao acirramento político que acontece no país e que supostamente, pode motivar incendiários provocarem incêndios com intuito de prejudicar um produtor, mas quanto a isso o presidente  Jorge acredita sem mais difícil, pois em Juara o povo é Pacífico e de boa índole e que não seja o caso, encerrou.

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Com muito ❤ por go7.site