Corpo de bombeiros relata dificuldades nas buscas por jovem que morreu afogado em Fontanillas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O momento é de muita tristeza para os familiares e amigos do jovem Watson Lima Junior, de 25 anos, que morreu afogado no rio Juruena no distrito de Fontanillas no final de semana enquanto se divertia com a namorada e amigos.

O soldado BM Calazans da 14ª CIBM, falou com a imprensa e explicou as dificuldades encontradas pela corporação no local do acidente, sendo que um dos fatores que mais dificultaram foram as correntezas fortes, a pouca visibilidade onde o rio é bastante profundo e com vários obstáculos em seu leito.

Calazans ressaltou que no final de semana, também houve um outro afogamento de um garoto de 14 anos na cidade de Aripuanã, e que a guarnição do corpo de bombeiros precisou retornar a cidade de Juína para organizar uma outra equipe a fim de ir até aquele município para atender a mais uma ocorrências, e no domingo os profissionais retornaram ao distrito de Fontanillas e continuaram as buscas e mergulhos, porém, sem êxito, onde a correnteza e a profundidade dificultou muito o trabalho das buscas.

O rapaz se afogou próximo das 13h de sábado, dia 02, e seu corpo foi localizado por volta das 19h de ontem por sua tia. Porém havia uma grande quantidade de pessoas no rio auxiliando nas buscas como o corpo de bombeiros militar, familiares, amigos e vários voluntários como por exemplo, o policial militar aposentado Adimar e o vereador Wilson Locatelli.

Foram mais de 48 horas de buscas pelo rio quando na noite de segunda-feira dia 04,  o corpo da vítima foi encontrado cerca de 200 metros de onde ele se afogou.A polícia judiciária civil e a perícia oficial estiveram no rio Juruena para os procedimentos periciais e posteriormente liberação do corpo da vítima para os procedimentos fúnebres.

Familiares relataram que o rapaz teria ido passar o final de semana no distrito com sua namorada e amigos, e após o almoço pulou no rio e chegou a nadar contra a correnteza, no entanto, ele perdeu forças e começou a se afogar.

Próximo estava um ribeirinho que ao ver que o rapaz estava se afogando foi até ele e ainda arrastou um pouco, mas como a correnteza era muito forte Watson foi levado pelas águas e desapareceu deixando parentes, amigos e familiares completamente desolados com sua morte tão precoce.

Fonte: Juina news