Cotação do milho disponível em Mato Grosso aumenta 2,8% e média é de R$ 66

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A cotação do cereal subiu 2,83% em relação à semana passada, após alta do dólar e menor disponibilidade do grão no Estado, e o preço médio disponível ficou em R$ 66,69/saca (na anterior estava em R$ 64,86).

Na CME o contrato corrente e futuro (julho) apresentaram alta de 1,13% e 0,70%, respectivamente na semana, sendo cotados a um preço médio de US$ 5,55/bushel e US$ 5,41/bushel.

A bolsa de valores brasileira B3 teve alta de 1,78% ante a semana passada, justificada pela elevação da moeda norte-americana e o preço médio do cereal ficou em R$ 88,26/saca.

Com os preços em Mato Grosso subindo e as cotações na CME-Group em baixa, a diferença de base entre os preços de Mato Grosso e Chicago se estreitou em 7,66%. A informação foi divulgada, esta tarde, pelo IMEA (Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária) no boletim semanal.

Fonte: sonoticias