Cotações do milho abrem a 3ª feira buscando a recuperação na B3

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
portal do agronegocio

A terça-feira (31) começa com os preços futuros do milho operando levemente mais altos na Bolsa Brasileira (B3), tentando se recuperar das perdas de ontem.

Por volta das 09h21 (horário de Brasília), o vencimento setembro/21 valia R$ 93,38 com alta de 0,30%, o novembro/21 valia R$ 93,38 com elevação de 0,61%, o janeiro/22 era negociado por R$ 95,50 com ganho de 0,74% e o março/22 tinha valor de R$ 89,60 com estabilidade.

Para o analista mercado da Brandalizze Consulting, Vlamir Brandalizze, neste momento existe a percepção de que não vai faltar milho no Brasil, mas isso não quer dizer que o mercado do milho vá despencar e os compradores vão adquirir milho barato.

Mercado Externo

Já a Bolsa de Chicago (CBOT) começa a terça-feira acumulando novas perdas para os preços internacionais do milho futuro, estendendo as quedas registradas ontem.

Por volta das 09h08 (horário de Brasília), o vencimento setembro/21 valia US$ 5,37 com queda de 2,75 pontos, o dezembro/21 valia US$ 5,39 com desvalorização de 3,25 pontos, o março/22 era negociado por US$ 5,47 com baixa de 3,25 pontos e o maio/22 tinha valor de US$ 5,52 com perda de 3,25 pontos.

Segundo informações do site internacional Successful Farming, o milho pouco mudou no comércio da madrugada. A quietude durante a noite seguiu o relatório de progresso da safra do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), que mostrou as condições da safra de milho inalteradas semana a semana.

Em paridade com a semana anterior, 60% da safra de milho dos EUA obteve as melhores avaliações, disse o governo. E 9% estavam maduros no início da semana, logo atrás da média de 10% para essa época do ano.

Fonte: portal do agronegocio

Mais recentes

Juju Salimeni interagiu com os seguidores novamente na última quinta-feira, e através da caixinha de perguntas no Instagram, abriu o coração ao ter sido questionada sobre o fato de não querer ter filhos. Na ocasião, um internauta citou papo de maternidade, e a musa fitness justificou a decisão. “O povo adora julgar, mas não quer saber a visão de cada um. Não é uma decisão eterna, pode ser que mude algum dia. Nunca tive esse sonho. Não sinto vontade de ser responsável por outra vida”, iniciou ela, que recentemente terminou o namoro com o empresário Helisson Dias. “Tenho desejos e planos que não quero abrir mão e como mãe teria que fazê-lo. Ser mãe é um compromisso eterno que não me sinto apta a assumir. Não tem nada a ver com corpo, porque sei que sou capaz de voltar a forma totalmente. Simplesmente não tenho vontade e isso é normal”, concluiu Juju Salimeni.

Siga-nos

Com muito ❤ por go7.site