Cuiabá vence Aparecidense de virada e avança na Copa Verde

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Depois de alcançar o inédito acesso à Série A, o Cuiabá não diminuiu o ritmo e, há pouco, avançou na Copa Verde. O Dourado venceu o Aparecidense de Goiás, por 2 a 1, em partida disputada na Arena Pantanal.

Os goianos saíram na frente, logo no começo do jogo, com Alex Henrique. Aos 24 do segundo tempo, o Cuiabá empatou com Elton, em cobrança de pênalti. Quando o jogo parecia caminhar para as penalidades máximas, Felipe Marques fez o segundo e deu números finais à partida.

Com o resultado, o Cuiabá alcança a fase de quartas de final e segue firme no propósito de alcançar o tricampeonato da competição. O clube já venceu a Copa Verde em 2015 e em 2019.

Na próxima fase, a equipe mato-grossense enfrenta o vencedor do duelo entre Vila Nova e Palmas. O jogo decisivo também seria nesta segunda-feira, porém, acabou sendo adiado, ainda sem nova data prevista, em razão de um acidente aéreo que, neste domingo, vitimou o presidente do Palmas e mais quatro jogadores da equipe.

A partida – O Aparecidense não tomou conhecimento do Cuiabá e abriu o placar logo aos 10 minutos do primeiro tempo. Em jogada trabalhada com Bruno, Anderson e Rodriguinho, a bola foi lançada para Alex Henrique, entre a zaga do Dourado. O atacante recebeu e tocou com categoria, tirando a chance de defesa de João Carlos.

Mesmo com a vantagem no placar, os goianos seguiram pressionando. Aos 18, Rodriguinho cobrou escanteio fechado e, por pouco, não fez um gol olímpico. Aos 27, Albano arriscou de fora da área e a bola passou tirando tinta da trave. O Cuiabá levou perigo aos 40, quando Maxwell cruzou na área e Elton tentou cabecear, mas a zaga afastou.

No segundo tempo, o Aparecidense voltou a ameaçar a defesa do Auriverde. Rayro cruzou na grande área, Alex Henrique tentou cabecear e a bola acabou passando perto do gol. Aos 11, o Camaleão levou novo perigo em jogada aérea. Albano cobrou escanteio e Uederson cabeceou. A bola saiu pela linha de fundo, mas por pouco não entrou.

Aos 17, o Cuiabá quase empatou em chute de Nenê Bonilha, que explodiu na trave de Tony. Sete minutos depois, Maxwell caiu na área e o árbitro entendeu que houve pênalti. Elton foi para a cobrança, deslocou o goleiro e deixou tudo igual.

O Cuiabá conseguiu anular as ações ofensivas do adversário e, no final do jogo, aos 46, chegou ao segundo gol. Felipe Marques roubou a bola da defesa, ficou cara a cara com Tony e levou a melhor, anotando o gol da vitória.

Fonte: sonoticias