Escolas municipais de Juara criam método para identificar alunos no revezamento da turmas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Com a diminuição do número de contágio de coronavrius (Covid-19) em Mato Grosso, e nos municípios do Estado, o governo estadual determinou o retorno das aulas presencias na rede estadual e municipal de ensino público.

Após 30 dias do andamento das aulas presenciais e remotas, a reportagem da rádio Tucunaré e acessenoticias entrevistou diretores das escolas municipais para saber como está o andamento do processo escolar.

Cássio Ferreira, diretor da Escola Municipal Maria das Graças Requena Calmon, situada no Parque Alvorada destacou que as aulas estão transcorrendo de forma presencial e remotas, ou seja, no modelo híbrido.

Completando a 5ª semana de aulas, já foi percebido que os alunos estão gostando bastante e os pais tem sidos parceiros na colaboração, e todas as medidas de prevenção contra o coronavirus estão sendo mantidas dentro da escola.

Todos os trabalhos escolares produzidos pelos alunos são colocados nos grupos para que os pais tenham conhecimento e isso, segundo o diretor tem motivado muito os pais a apostarem na educação de seus filhos.

Para identificar os alunos que se revezam em turnos durante as aulas presenciais, a direção escolar criou um sistema de crachás com cores diferenciadas que são colocados nos alunos, e assim facilitar o reconhecimento da cada turma. A ideia deu certo e está fluindo bons resultados, conforme ressaltou o diretor da escola, Cássio Ferreira.

Já a diretora da Escola Municipal Costa e Silva, situada no Jardim Santa Cruz, Geneilda de Souza Silva explica que o novo processo de aulas presencial e remotas está sendo surpreendente, onde os alunos são atendidos de acordo com a capacidade das aulas divididos entre grupo A e grupo B.

A escola também usa como identificação sistema de crachás com cores diferenciadas.

Segundo a diretora, o espaço da escola foi ampliado na recepção, onde há um local com todas as medidas de biossegurança e prevenção contra o vírus Covdi-19 para receber os pais que vão retirar os materiais didáticos de seus filhos, que fica separado dos espaços onde entram os alunos.

O resultado de todo o trabalho até o presente momento tem sido satisfatório, e a expectativa é de melhora a cada dia, assim concluiu a diretora, que ressaltou ainda o apoio incondicional dos pais dos alunos nesse contexto escolar.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Fonte: Acessenoticias/radiotucunare

Com muito ❤ por go7.site