Faleceu Juarez de Souza Mesquita médico pioneiro de Juara, sócio fundador do Hospital São Lucas e Rádio Tucunaré

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O pioneiro de Juara, médico ortopedista Juarez de Souza Mesquita, 69 anos de idade, faleceu na noite do dia 5 de julho em Ribeirão Preto – SP, por volta das 23 horas por avanço e complicações de um câncer.

Segundo informações do filho Bruno, o médico descobriu um câncer de próstata há cerca de 3 anos e tendo tratado a doença, não sentiu mais nada. Há 4 meses começou a sentir mal e ao procurar o recurso, descobriu metástase nos ossos e demais órgãos vitais.

A progressão da doença foi silenciosa e o médico acabou entrando em fase terminal há cerca de 5 dias quando então foi internado.

Pelas redes sociais a notícia do falecimento do médico Juarez Mesquita ecoou com grandes demonstrações de tristeza, visto que o médico teve grande atuação em Juara, numa época difícil, onde os recursos eram muito escassos, mas sempre com dedicação ao trabalho, salvou muitas vidas.

Juarez de Souza Mesquita era casado com Regina Célia Mesquita com quem teve três filhos: Carolina, Bruno e Rafael. Deixa também netos.

O médico Juarez de Souza Mesquita, nasceu em 11 de Abril de 1952, sendo natural de Bebedouro-SP, chegou em Juara em 1984 e estando sócio dos médicos Takaaki Hosoume (in memorian), Francisco de Assis Domingues e Marcos Marrafon, quando fundaram o Hospital e Maternidade São Lucas. Em 1988, essa sociedade trouxe a primeira emissora de rádio do médio Norte de Mato Grosso, a Rádio Tucunaré, na época, uma AM.

O médico Pioneiro sempre foi participativo dos problemas comunitários de Juara e era membro da loja maçônica Estrela da Amazônia.

Era pecuarista e um admirador do empresário Antônio Ermírio de Moraes.

Em Juara teve o seu terceiro filho caçula, o Rafael, que também é médico.

Concorreu ao cargo de prefeito em 1998, mas não obteve êxito, embora tenha recebido expressiva votação ao lado de Dirceu de Oliveira. Mudou-se para Ribeirão Preto em 1999, deixando a sociedade no Hospital e na emissora de Rádio para o recém-chegado medico pediatra Haroldo Hatanaka.

Em Ribeirão Preto, sua nova morada, trabalhava como médico da Medicina do Trabalho, Ortopedia e Traumatologia

Apesar de sua mudança, eventualmente retornava pela cidade para rever os amigos.

Com temperamento muito discreto, os amigos mais próximos disseram a redação da Rádio Tucunaré e site Acesse Notícias, que não sabia do quadro clínico bastante grave do amigo.

O velório acontece nesse dia 06/07 das 12h30 às 14h30. Local: Memorial Campos Elíseos Rua Fernão Sales, 1287 Sala Rubi em Ribeirão Preto/SP

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Com muito ❤ por go7.site