Internacional goleia o Olimpia-PAR e vira líder isolado na Libertadores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Buscando aproveitar a chance de jogar no Beira-Rio pela Libertadores, o Internacional dominou o Olimpia nesta quarta-feira e venceu por 6 a 1. O resultado imponente da equipe de Miguel Ángel Ramírez foi a maior goleada colorada na história da competição continental.

O Internacional está na ponta de cima do grupo B, com seis pontos conquistados em três jogos. O Olimpia segue na terceira colocação, com três pontos.

Pela próxima rodada da Libertadores, o Internacional vai ao Estádio Polideportivo de Pueblo Nuevo para enfrentar o Deportivo Táchira. A jogo será realizado na terça-feira, às 19h15 (de Brasília). Já o Olimpia visita o Always Ready no Estádio Hernando Siles, às 21 horas da quinta-feira.

O jogo – O Internacional fez valer o fator casa e dominou o primeiro tempo contra o Olimpia, com 65% da posse de bola. Um dos maiores facilitadores dos ataques colorados foi o novo camisa 10, Taison. Com poucos toques na bola, ele encontrou Edenilson na área dos adversários no começo do jogo, mas o volante não aproveitou a boa chance.

Quem jogou bem também foi o lateral direito Rodinei, sempre alimentando os homens de frente do Internacional. Aos 28 minutos, o camisa 22 cobrou escanteio na medida para Victor Cuesta, que finalizou com força e abriu o placar para os gaúchos.

E se alguém temia uma reação dos visitantes no segundo tempo, o Inter fez questão de logo ampliar sua vantagem. Aos 6 minutos, Taison encontrou Mauricio, que tentou cruzar para a área do Olimpia, mas a bola pegou na mão de Benítez. A penalidade máxima foi cobrada e convertida por Edenilson.

Dali pra frente, o Olimpia se perdeu em campo e o Internacional aproveitou. Thiago Galhardo marcou aos 18 e aos 25, Yuri Alberto (seu substituto) marcou aos 31 e Caio marcou um belo gol aos 34 minutos para transformar a noite no Beira-Rio em um evento histórico.

Olímpia ainda conseguiu seu gol de honra, aos 40 minutos. Rodrigo Dourado cometeu pênalti e Derlis González diminuiu os danos em Porto Alegre.

Fonte: Gazeta Esportiva (foto: Ricardo Duarte/assessoria)

Com muito ❤ por go7.site