Laura Falkoski foi a primeira Juarense a ser vacinada nesse dia 20. Conheça essa servidora exemplar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Às 16 horas, dentro do Hospital Municipal de Juara, a equipe de saúde do município junto com a imprensa , vereadores e servidores, um momento histórico da aplicação da primeira vacina contra covid-19 foi registrado.

Nesse dia 20 Juara também ficou registrou o 21° óbito, de paciente vítima da doença pandêmica.

Para dar início ao registro, o Prefeito Carlos Sirena iniciou agradecendo a presença de todos e se disse feliz e esperançoso com a chegada da vacina em Juara, que apesar de serem poucas doses, sabe que muito brevemente mias vacinas vão chegar e crê que toda a população estará vacinada no país.

O prefeito relatou um pouco histórico da servidora escolhida para ser a primeira a receber a vacina e a reportagem da Rádio Tucunaré e Acesse Notícias registraram:

Laura falkoski, nascida em 10/08/1953, 67 anos, nascida na cidade de Casca no Rio Grande do Sul, mãe de dois filhos e avó.

Laura é servidora do município desde 1994. Sempre trabalhou no hospital municipal de Juara com carinho e dedicação e atende a todos sempre com um sorriso no rosto e bom ânimo para desempenhar suas atividades.

Hoje emocionada e chorando e apesar de estar no grupo de risco, nesse momento de pandemia, ela não mediu esforços e optou continuar trabalhando em apoio aos demais colegas, para garantir o bom andamento dos serviços prestados à sua população.

Graças às suas forças e incentivos, motivou a equipe a enfrentar esse grande problema e não desanimar.

Afim de reconhecer o carinho e gratidão de todos esses anos de serviços prestados, os gestores decidiram homenageá-la com essa vacina e dessa forma, eternizá-la, porque representa todos que necessitam da saúde pública nesse município.

“Aos “anjos que todos os dias dão tudo pela saúde, e a todos que dela precisam, a nossa gratidão e a nossa homenagem”, disse Carlos Sirena. D

“É um símbolo, mas que essa simbologia se reflita a todos os servidores da Saúde, que de uma forma de outra lutam para que as vidas sejam salvas e que lá na frente saiamos vencedores dessa pandemia que tem causado tantos problemas.

O Prefeito Carlos Sirena citou, que poucas doses chegaram e que temos que ter paciência, porque vamos vencer essa batalha.

Muito emocionada, após a vacinação em prantos, Dona Laura chorou pois não sabia que teria sido escolhida. E como foi pega de surpresa, não conseguia falar.

Agora vacinada , disse que vai ter mais coragem para ajudar os colegas e os pacientes.

Laura não quis ficar em casa para se preservar, mas ela sempre soube que venceria essa batalha e sempre quis continuar e que agora com a vacina que está chegando as pessoas serão salvas.

Esse é o momento histórico e a enfermeira Tatiane reverenciou a enfermeira Laura, que inicia vacinação e portanto, nesse dia 20, as primeiras doses foram aplicadas e então, no dia 9 de fevereiro, a segunda dose será aplicada após o governo entregar a Segunda remessa.

Chegaram no município 270 doses e Profissionais de Saúde da linha de frente e idosos do asilo vão receber a vacina.

Outra informação da Enfermeira responsável pela vacinação Tatiane, é sobre a aplicação sem a luva, que é uma resolução do COREN, pois a se mão da administradora não tiver lesões e nem estiver machucada, é mais fácil lavar as mãos passando álcool, do que usar luva e que se usar luva exigiria a troca toda hora para vacinar novas pessoas, assim explicou.

Fonte: Rádio Tucunaré e Acesse Notícias

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️