Manejo do complexo de doenças com Evolution, da UPL, gera aumento na produtividade de soja em áreas de testes, revela pesquisador

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Na fase de testes, que abrangeu mais de 60 áreas selecionadas, pesquisadores verificaram que Evolution contribuiu para o aumento na produtividade.

“Estivemos presentes durante toda a fase de testes do produto, por três safras, acompanhando seu desempenho para situações diferentes de predominância de doenças no Sul. Os resultados finais com o programa da UPL, incluindo Evolution, proporcionaram incremento de 17 sacas por hectare no resultado final da cultura da soja”, relata Carlos Alberto Forcelini, doutor em fitopatologia.

Evolution chegou ao mercado brasileiro em agosto. Trata-se de um fungicida com formulação inovadora, que combina três ingredientes ativos (mancozebe, azoxistrobina e protioconazol), que se complementam e são altamente eficazes para defender os cultivos contra os crescentes desafios sanitários da soja: ferrugem asiática, antracnose, crestamento-foliar (cercospora), mancha-alvo e oídio.

“Percebemos pela aplicação do Evolution, o controle satisfatório das principais doenças. Há uma preservação muito boa da área foliar da soja, um aspecto verde mais pronunciado nas plantas. Isso, de maneira geral, reflete a qualidade tanto do controle quanto da performance da planta após a aplicação do tratamento”, destaca o pesquisador e ex-professor da Universidade de Passo Fundo (UPF).

Evolution é um fungicida completo, com ação multissítio e sistêmica em um só produto, com uma tecnologia inovadora e um conceito criado pela UPL que oferece ação simultânea de diferentes ingredientes ativos em diversos pontos do metabolismo das doenças. Essa tecnologia ajuda a diminuir consideravelmente a possibilidade de as doenças criarem resistência aos fungicidas. Além disso, é um importante aliado diante de mutações que os fungos possam sofrer.

“O resultado geral dos testes, na comparação com programas de manejo de outras empresas, foi muito satisfatório. E temos plena segurança e confiança no desempenho que esse novo produto trará para a cultura da soja nas próximas safras. Minha sugestão aos produtores é que utilizem, que experimentem, que conheçam o Evolution, e verifiquem esses benefícios”, diz Forcelini.

O gerente de fungicidas da UPL Brasil, Marcelo Figueira, destaca que Evolution é resultado de um longo processo de pesquisa e desenvolvimento. “Diversos testes e ensaios de campo, como os relatados por Forcelini, comprovaram a eficácia dessa nova solução. Isso reforça o compromisso da UPL em ajudar os agricultores a produzir cada vez mais e com sustentabilidade. Afinal, os fungos são os principais inimigos da cadeia produtiva da soja: sem o tratamento adequado, esses inimigos da produtividade podem provocar perdas de até 80% da colheita da oleaginosa”, finaliza.

Confira na íntegra do depoimento do doutor em fitopatologia e pesquisador, Carlos Alberto Forcelini: https://youtu.be/PFUkDZT9REg.

 

Fonte: Texto Comunicação

Com muito ❤ por go7.site