Mercado doméstico de algodão tem ganhos expressivos em agosto

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Na média do polo industrial paulista, a indicação fechou o mês a R$ 5,43 por libra-peso, alcançando um novo recorde de alta. No FOB exportação do porto de Santos/SP, o produto brasileiro fechou cotado a 103,59 centavos de dólar por libra-peso (c/lb), alta de 8,52% quando comparado ao mês passado. Ante ao contrato de maior liquidez (dezembro/21) negociado na Ice Futures US, a pluma brasileira encerrou cotada a um valor 12,0% superior. Há uma semana era 10,0% superior e, há um mês, o produto nacional era 7,5% mais alto.

Segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento, esse alargamento do spread em relação a fibra norte-americana mostra que, apesar do avanço do beneficiamento, o mercado doméstico segue com escassez de produto. “O que obriga a indústria nacional a elevar suas ofertas para garantir o abastecimento”, explica.

No cenário internacional, destaque para a colheita de algodão na Argentina na temporada 2020/2021, que foi encerrada, informou o Ministério da Agroindústria do país em relatório do dia 2. Em igual período do ano passado, a colheita estava em 100%. Na semana anterior, o percentual era de 99,99%. A área para 2020/21 está projetada em 406,773 mil hectares, ante 444,41 mil hectares na temporada anterior.

Fonte: Agência SAFRAS

Mais recentes

Juju Salimeni interagiu com os seguidores novamente na última quinta-feira, e através da caixinha de perguntas no Instagram, abriu o coração ao ter sido questionada sobre o fato de não querer ter filhos. Na ocasião, um internauta citou papo de maternidade, e a musa fitness justificou a decisão. “O povo adora julgar, mas não quer saber a visão de cada um. Não é uma decisão eterna, pode ser que mude algum dia. Nunca tive esse sonho. Não sinto vontade de ser responsável por outra vida”, iniciou ela, que recentemente terminou o namoro com o empresário Helisson Dias. “Tenho desejos e planos que não quero abrir mão e como mãe teria que fazê-lo. Ser mãe é um compromisso eterno que não me sinto apta a assumir. Não tem nada a ver com corpo, porque sei que sou capaz de voltar a forma totalmente. Simplesmente não tenho vontade e isso é normal”, concluiu Juju Salimeni.

Siga-nos

Com muito ❤ por go7.site