Ministério Público suspende show de Gusttavo Lima; saiba o motivo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O show da turnê “Embaixador In Colatina” de Gusttavo Lima foi suspendido pela Vara da Fazenda Pública Estadual, Municipal, de Registros Públicos e Meio Ambiente de Colatina, no Espírito Santo.

Segundo informações do portal OFuxico, o cancelamento foi um pedido do Ministério Público do Espírito Santo (MPES), preocupado com a quantidade de público e com a logística para receber as pessoas no evento.

No documento do Ministério Público está descrito que a suspensão do evento se dá por conta da incerteza quanto à organização e logística, bem como o descumprimento de protocolos sanitários necessários ao controle e prevenção quanto a disseminação do novo coronavírus.

O relatório do MP enfatiza que, apesar de estar em risco baixo de contágio, há limite máximo de participantes em “shows”, o que deve ser respeitado.

“Na solicitação administrativa a empresa Leo Produções se limitou apenas a informar a ‘estimativa’ do público em 10.000 (dez mil) pessoas, o que corresponderia a 50% (cinquenta por cento) de ocupação da área. Ora, ‘estimativa’ não é informação de limitação de venda de ingresso, muito menos compromisso formal da organizadora do evento em cumprir o limite máximo de lotação”, destacou um trecho do documento.

“Soma-se, que fechar a catraca eletrônica, não tendo informado o limite de ingresso e lotação, fatalmente trará ao local pessoas com a expectativa de entrarem na apresentação artística, gerando aglomeração na própria entrada”.

Nelinho Miranda, um dos organizadores do evento, informou ao veículo que a empresa está recorrendo da decisão. “Estamos seguindo todas as normas sanitárias exigidas pelo Governo Estadual, como a comprovação da carteira de vacinação comprovando às duas doses. E também teremos a distribuição de máscaras e álcool em gel. A decisão causa insegurança jurídica”, disse ele.

Em nota, a assessoria de imprensa do cantor sertanejo explicou o acidente. Veja na íntegra:

“O cantor Gusttavo Lima fez 1h40 de show em Orlando na noite dessa sexta-feira (06). Ocorre que houve um incidente de trânsito na rua e, por conta disso, a polícia pediu para que ele cantasse somente mais três músicas. O artista não saiu correndo do local e, muito menos, de helicóptero. Atendeu todos os fãs e convidados no camarim, onde permaneceu por mais de uma hora após o show. Inclusive, o cantor atendeu o público até mesmo após entrar em um veículo para saída do local, conforme imagens divulgadas nas redes sociais“, afirma o comunicado.

O show foi remarcado marcado para esta sexta-feira (19), onde será realizado na Área Verde da Beira Rio, no município da Região Noroeste.

Fonte: IstoÉ

Com muito ❤ por go7.site