Moagem de cana vai cair 4% em 2021/22 no país, estima CONAB

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A primeira estimativa da safra de cana-de-açúcar 2021/22 da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgada hoje, indica que o Brasil deverá produzir 628,1 milhões de toneladas, volume 4% menor que em 2020/21.

A queda é explicada pela redução prevista de 3% na área de colheita no Sudeste, que lidera o segmento no país, para 5,2 milhões de hectares, e pelo decréscimo de 6,2% na produção da região, para 402,2 milhões de toneladas.

O Centro-Oeste também deve diminuir em 0,8% a área destinada à cultura, para 1,8 milhão de hectares e em 1,6% o volume, para 137,5 milhões de toneladas.

Na região Nordeste, mesmo com 0,5% a menos de área, a estimativa é de crescimento de 3,2% na produtividade média, o que deverá resultar em 49,7 milhões de toneladas, 2,7% mais que na última safra.

O Sul seguiu a tendência, com redução de 2,1% na área mas crescimento de 2,5% na produção, estimada em 35,1 milhões de toneladas.

Já o Norte deve manter a área e aumentar 3,3% a colheita da cultura, para 3,6 milhões de toneladas.

Fonte: Grupo Idea

Com muito ❤ por go7.site