Pagamento de parcelas do FCO empresarial em Mato Grosso prorrogado até dezembro

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A partir de hoje, os empresários que contrataram os financiamentos do Fundo Constitucional do Centro-Oeste poderão prorrogar o pagamento das parcelas vencidas ou vincendas. A decisão foi anunciada durante reunião do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, composto pela secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, parceiros e membros da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste.

A medida está estabelecida na resolução, que autoriza as instituições financeiras administradoras do Fundo a prorrogar por até doze meses, as parcelas com vencimento entre 1º de janeiro de 2021 e 31 de dezembro, vencidas e vincendas, das operações de crédito empresarial contratadas com recursos do FCO até 31 de dezembro do ano passado. Desde que os mutuários comprovem as perdas ocasionadas pela pandemia da Covid e não possuam parcelas em atraso anteriores a 31 de dezembro de 2020.

Caberá ainda à instituição financeira atestar a dificuldade temporária para reembolso do crédito pelo mutuário.

O aumento do prazo é considerado pelo presidente do Codem e secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, como uma oportunidade para os empresários reequilibrarem as contas.“É de suma importância para o empresariado ter esse acréscimo de tempo para quitar os financiamentos, levando em conta que esse foi um dos setores mais afetados pela pandemia da Covid. Eles precisam desse prazo para fortalecer seus negócios, já que muitos segmentos ficaram fechados por longos períodos e, consequentemente, não geraram renda ou se conseguiram gerar foi em proporção bem inferior ao esperado”.

Fonte: Só Notícias (foto: assessoria/arquivo)

Com muito ❤ por go7.site