Palmeiras bate desfalcado Defensa y Justicia e mantém 100% na Libertadores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

O Palmeiras manteve seus 100% de aproveitamento na Copa Libertadores na noite desta terça-feira. No Estádio Norberto Tomaghello, o time alviverde contou com assistências de Luiz Adriano e gols de Rony para ganhar por 2 a 1 do Defensa y Justicia, desfalcado de 14 atletas por covid-19.

Com nove pontos em três partidas, o Palmeiras detém a primeira posição do Grupo A do torneio continental. Já o Defensa y Justicia, segundo colocado, permanece com quatro pontos e pode ser alcançado pelo Independiente del Valle, que recebe o Universitario nesta quarta.

Pela 11ª rodada do Campeonato Paulista, o Palmeiras volta a campo para enfrentar o rival Santos já às 21 horas (de Brasília) desta quinta-feira, no Allianz Parque. Às 21h30 de terça, pela quarta rodada da Copa Libertadores, o adversário será o Independiente del Valle, no Estádio Casa Blanca.

O Jogo – A primeira boa chegada ao campo de ataque foi do Defensa y Justicia. Em uma jogada pelo lado esquerdo da defesa palmeirense, Walter Bou aproveitou passe errado de Victor Luis e cruzou. De primeira, Benitez completou com a canhota e mandou por cima do gol de Weverton.

O Palmeiras teve mais posse de bola durante o primeiro tempo, mas encontrou dificuldades para construir oportunidades de gol. Com uma linha de cinco jogadores para defender, o time argentino conseguiu manter Unsain protegido durante a maior parte do tempo.

A equipe alviverde teve sua única chance já durante os acréscimos da etapa inicial. Atento, Patrick de Paula roubou a bola no meio de campo e deu passe na medida para Rony. O atacante se atrapalhou um pouco e acabou parado pela saída do goleiro Unsain.

Depois de um primeiro tempo de poucas emoções, o Palmeiras conseguiu sair na frente logo no minuto de abertura da metade final. Posicionado fora da área, Luiz Adriano recebeu de Patrick de Paula pela direita e, inteligentemente, deixou Rony em condições de finalizar com precisão diante de Unsain.

Em vantagem no placar, o Palmeiras aumentou por meio de contra-ataque aos 10 minutos do segundo tempo. Raphael Veiga avançou pelo meio e acionou Luiz Adriano na direita. O centroavante cruzou rasteiro e Rony completou com sucesso do outro lado.

Aos 22 minutos, Benitez cobrou falta da direita e Tripichio desviou na segunda trave para diminuir a diferença no marcador. Pouco depois do gol, após cruzamento de Luan pela direita, Raphael Veiga cabeceou com perigo. O Defensa y Justicia pressionou nos minutos finais, mas o Palmeiras soube como se defender.

Fonte: Gazeta Esportiva (foto: assessoria)

Com muito ❤ por go7.site