Preço do algodão busca ponto de equilíbrio no mercado nacional

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

No CIF do polo industrial paulista, a fibra fechou a quinta-feira (8) a R$ 4,90 por libra-peso, com elevação de 0,58% em relação ao dia anterior. No acumulado em relação ao mesmo período do mês e do ano passado, apresentava queda de 2,1% e alta de 81,3%, respectivamente.

No FOB exportação do porto de Santos/SP, a pluma fechou cotada a 91,34 centavos de dólar por libra-peso (c/lb), com alta de 0,56% em relação ao fechamento anterior e queda de 7,8% quando comparado ao mesmo período do mês passado. Ante ao contrato de maior liquidez (dezembro/21) negociado na Ice Futures US, a pluma era cotada a um valor 5,1% superior, contra 3,7% da véspera. Há uma semana, era 5,6% superior e, há um mês, o produto nacional era 15,3% mais alto.

Segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento, os produtores seguem com as atenções voltadas para os preparativos dos trabalhos de colheita. “A estimativa é que o país colha cerca de 2,4 milhões de toneladas, contra 3,045 milhões de toneladas da anterior”, destaca. “Esta queda de 645 mil toneladas obrigará o país a reduzir sua presença no mercado externo ou reduzir seus estoques”, pondera.

Conforme o décimo levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a safra 2020/21, a safra brasileira de algodão em pluma na temporada 2020/21 está estimada em 2,342 milhões de toneladas, baixa de 22% na comparação com as 3,001 milhões de toneladas indicadas na safra 2019/20. No nono levantamento, também eram esperadas 2,342 milhões de toneladas.

A produtividade das lavouras está estimada em 1.713 quilos de algodão em pluma por hectare, ante 1.802 quilos na temporada 2019/20. A área plantada com algodão na temporada 2020/21 está estimada em 1,367 milhão de hectares, retração de 17,9% na comparação com os 1,665 milhão de hectares da safra passada.

Fonte: Agência SAFRAS

Com muito ❤ por go7.site