Preços de cortes de carne bovina no varejo aumentam em Mato Grosso

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
foto: assessoria

O levantamento do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) aponta que os consumidores estão pagando um pouco mais caro em determinados cortes de carne bovina, no varejo. A capa do filé foi a que mais sofreu acréscimo, entre fevereiro e março com preço médio passando de R$ 28,28 para R$ 29,37 (3,86%). Em seguida aparece a alcatra, de R$ 42,39 para R$ 43,76 (3,23%) 

O instituto listou ainda que o preço médio da Picanha foi de R$ 58,70 para R$ 59,98 (2,18%), o cupim que estava R$ 32,04 foi para 32,71 (2,08%). Também subiu filé mignon de R$ 53,09 para 53,77 (1,29%), além do coxão mole de R$ 35,65 para R$ 36,01 (1,02%). 

A fraldinha foi o único corte bovino no varejo que teve queda e foi de R$ 32,89 para R$ 32,64 (-0,77%) o preço médio.

Fonte: Só Notícias/David Murba