Safra americana termina com vendas em alta no varejo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

As vendas de suco de laranja no mercado dos Estados Unidos fecharam a safra 2019/2020 com alta de 12,8%. De acordo com dados da consultoria Nielsen apresentados pelo Departamento de Citrus da Florida (FDOC), no período de 52 semanas entre outubro de 2019 até setembro de 2020, o volume de suco comercializado foi de 1,5 bilhão de litros (439,6 milhões de galões). Em receita, as vendas foram de US$ 3,147 bilhões, alta de 15,2%.

Quando se observa os dados por categoria do suco é possível notar que, mesmo com o aumento de quase 2,8% no preço do suco de laranja NFC, as vendas do produto no período cresceram 13,9%, com um total de 981 milhões de litros (259,2 milhões de galões). A categoria respondeu por 70% do faturamento total das vendas de suco de laranja, com US$ 2,234 bilhões, 17% acima em comparação com a safra anterior. Já o suco reconstituído, registrou um volume de 565 milhões de litros (149,3 milhões de galões), alta de 11,2% e obteve receitas de US$ 726,6 milhões, crescimento de 10,9%.

De acordo com a diretora de pesquisa econômica e de mercado do FDOC, Marisa Zansler, os ganhos das vendas de suco na safra 2019/2020 aumentaram em aproximadamente 8 milhões de caixas de laranjas. “Para colocar isso em perspectiva, nas últimas cinco ou seis safras avaliamos que o declínio médio nas vendas de suco de laranja foi equivalente a dois ou três milhões de caixas.”

Fonte: Nielsen/FDOC

Com muito ❤️️ por GO7.SITE

⚙️