São Paulo domina o Palmeiras, vence no Allianz Parque e respira no Brasileiro

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Nesta quarta-feira, o São Paulo derrotou o Palmeiras por 2 a 0, no Allianz Parque, em jogo válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Enfrentando um Verdão praticamente reserva, o Tricolor se impôs fora de casa e triunfou com gols de Gabriel Sara e Luciano. O resultado impede que o time comandado por Rogério Ceni termine a rodada na zona de rebaixamento.

O primeiro tempo foi de amplo domínio do São Paulo, que criou chances de gol e foi mais efetivo em sua proposta. O gol veio aos 23 minutos, em jogada que teve início em casquinha de Luciano para Gabriel Sara. O meia revelado por Cotia acertou belo chute e colocou o time na frente.

Mesmo vencendo, o Tricolor não tirou o pé do acelerador e controlou as ações ofensivas. Luciano ampliou após erro crasso de Patrick de Paula, que se atrapalhou com a bola. Mesmo com as substituições de Abel Ferreira, o Verdão não conseguiu balançar as redes.

Com o resultado, o Palmeiras estacionou nos 58 pontos, na terceira posição. O próximo jogo da equipe é contra o Fortaleza, no sábado, às 19h, no Castelão. Enquanto isso, o São Paulo foi aos 41 pontos, na 14ª colocação. O próximo compromisso do time é contra o Athletico Paranaense, na quarta-feira da semana que vem, às 21h30, no Morumbi.

O jogo – Precisando de um resultado positivo, o São Paulo entrou em campo com uma formação ofensiva, ocupando o ataque. Enquanto isso, o Palmeiras teve menos posse de bola, apostando na recuperação e nos contra-ataques.

A primeira chance do jogo veio apenas aos 20 minutos. Vitor Bueno tabelou com Gabriel Sara, finalizou da entrada da área e acertou a trave direita. Logo na sequência, Rigoni chutou de primeira após cruzamento da esquerda e mandou à esquerda.

Aos 23 minutos, o São Paulo abriu o placar no Allianz. Luciano desviou de cabeça lançamento da defesa e a bola ficou oferecida para Gabriel Sara, que avançou pela intermediária. O meio-campista arriscou chute de fora da área e mandou sem chance de defesa para Weverton.

Em seguida, o Tricolor quase ampliou. Rigoni serviu Vitor Bueno dentro da área, e o camisa 12 chegou batendo por cima do travessão.

Mesmo com a vantagem, foi o São Paulo que assustou primeiro na volta do intervalo. Rigoni recebeu pela esquerda e finalizou na rede pelo lado de fora. Em seguida, Igor Vinicius recuperou a bola pela direita, avançou e chutou para defesa de Weverton.

Na primeira chegada do Palmeiras, Patrick lançou Danilo, que dominou na área e não conseguiu tirar de Volpi. Aos 15 minutos, o São Paulo ampliou. Patrick recebeu de Weverton e se atrapalhou com a bola, que ficou oferecida para Luciano. Weverton até tocou na bola ao tentar defender o chute do atacante, mas não conseguiu impedir o gol.

Na sequência, o Tricolor quase ampliou. Após cruzamento da direita, Luciano cabeceou livre na área, mas em cima de Weverton. No rebote, Marquinhos finalizou para nova defesa do goleiro.

Em cobrança de falta pela esquerda, Gustavo Scarpa bateu com precisão e acertou o travessão. Aos 45 minutos, Sara balançou as redes novamente, mas o gol foi anulado por impedimento na origem da jogada.

Fonte: Gazeta Esportiva (foto: assessoria)

Com muito ❤ por go7.site