Secretaria de Saúde alerta para o aumento dos casos dengue em Juara

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

Mesmo com as constantes ações realizadas pela Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde de Juara no combate ao mosquito Aedes Aegypti, os casos de dengue vem aumentado. Segundo informações passadas pela Vigilância  Epidemiológica da Secretaria de Saúde, desde o início do ano, 201 pessoas foram notificadas (entre casos suspeitos e positivos). Somente no mês de maio, foram notificados 62 novos casos de Dengue no município.

Os imóveis residenciais e terrenos baldios são onde tem maior incidência de larvas do mosquito. Segundo a vigilância Ambiental, no mês de maio foram encontrados 71 novos focos. Eles são encontrados em tambores, bebedouro de animais, lonas, pneus, lixos e sucatas e poças com criadouros naturais.

Somente na última semana, 11 focos foram encontrados.

Bairros onde foram encontrados focos de 23 à 27 de maio / 2022:

1 na Vila Aurora
1 no Santa Rosa
1 na Vila Operária
2 no Cruzeiro do Sul
1 no Jardim Itapuã
1 no Santa Cruz
1 no Jardim América
1 no Tocaia Grande
2 no Alvorada I

Medidas preventivas – O trabalho de rotina dos agentes é visitar domicílios, eliminar focos e remover reservatórios, com a ajuda do morador. Em casos notificados e confirmados de dengue, os agentes ainda realizam o bloqueio de transmissão com a bomba costal motorizada.

Principais criadouros – O lixo doméstico ainda é um dos principais focos do Aedes nas residências. Em seguida, depósitos móveis (vasos, frascos, pratos, pingadeiras e bebedouros); depois vem pneus e outros materiais rodantes, depósitos como barril, tanque e poços, entre outros.

Dicas de prevenção – Para reduzir a incidência da doença, a população deve ser consciente e contribuir eliminando água parada, tampando tambores, poços, cisternas e reservatórios de água e colocando areia fina na borda dos recipientes com plantas e bebedouros de animais de estimação. Também é preciso se atentar para os suspiros das fossas para que não fiquem abertos, tampando com tela ou uma meia velha.

Sintomas das doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti:

Dengue – febre alta, dor de cabeça, dor muscular, dor ao movimentar os olhos e manchas vermelhas pelo corpo.

Chikungunya – febre alta, dores no corpo, dores intensas e inflamações nas articulações.

Zika – vermelhidão e coceira em todo o corpo, febre baixa, olhos vermelhos sem secreção, dores nas articulações.

Fonte: Diretoria de imprensa da prefeitura de Juara

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.