Sorriso: Funcionário “passa a mão” em R$ 10 mil de caixa de padaria em 15 dias; Ele passava o PIX dele para os clientes

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest

A proprietária de uma padaria, localizada no Rota do Sol, procurou a delegacia para denunciar um funcionário de 21 anos por furto no caixa da padaria e também por receber pagamentos em Pix na sua conta pessoal, que era repassada aos clientes.

Segundo a empresária, ela contratou o suspeito no dia 15 de dezembro para a função de atendente de caixa. Mas dois dias após a contratação, ela percebeu que o faturamento estava sempre menos do que o normal. Mas na última semana, ela percebeu que eu fluxo de caixa diminuiu expressivamente, chegando a entrar no caixa somente R$ 30 no dia. Ao fazer um levantamento minucioso e um levantamento nas câmeras, a empresária notou que o funcionário estava furtando o dinheiro do caixa todos os dias. Chegando a receber dinheiro, e colocar no bolso.

Não satisfeito o funcionário, quando o pagamento era em PIX ele passava para os clientes sua conta pessoal, o que estava em desacordo com as normas da empresa, fazendo com que o dinheiro foi transferido para sua conta e não para a conta da padaria.

A empresária foi atrás de mais informações, como comprovante de pagamentos feitos pelos clientes para conta do funcionário e também imagens de segurança da padaria, onde mostraram as atitudes do funcionário.

Um levantamento feito pela empresária mostrou que o prejuízo, até o momento é de aproximadamente R$10.000. Outras funcionárias relataram que o suspeito realmente estava realizando os furtos do caixa da padaria.

Segundo uma amiga do suspeito, ela achou estranha que em menos de um mês, ele mobiliou a casa com moveis novos, trocou de celular e “pagava” de rico nas festas e shows de final de ano.

Ao ser indagado sobre os furtos o funcionário confirmou que pegou dinheiro do caixa, que recebia transferência em PIX e que devolveria cerca de R$ 4 mil a empresária.

A policia civil já está investigando o caso e o funcionário pode ser preso.

Fonte: Nortão Noticias

Com muito ❤ por go7.site

Usamos cookies em nosso site para fornecer uma experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com a utilização de TODOS os cookies. Leia nossa Política de Privacidade na íntegra.